1º FESTIVAL SUSTENTÁVEL DE CULTURA

1º FESTIVAL SUSTENTÁVEL DE CULTURA


No próximo final de semana (26 e 27/3) a cidade de Araraquara recebe o Gaia – 1º Festival Sustentável de Cultura. O evento tem início na sexta às 8h no Parque Pinheirinho, prossegue durante todo o dia e invade o sábado com uma programação repleta de manifestações artísticas, com shows de música, discotecagem, espetáculos de teatro, dança, esquetes, oficinas, circense, plásticas, grafiti e apresentação de curtas-metragens nos intervalos. “A ideia era justamente a integração das artes, pois não vemos as coisas isoladas, a arte nunca vem sozinha, uma banda por exemplo é teatro e dança ao mesmo tempo, quisemos ressaltar isso”, explica o responsável pelo planejamento do festival, Rafael Barone.
Idealizado pelo Colméia Cultural, coletivo de produção e difusão cultural de Araraquara, e em parceria com a Secretaria de Cultura de Araraquara, o GAIA vem atentar para a questão ambiental usando como artifício a cultura, que é sem dúvida um potencial formador de opinião. Assim, um dos objetivos do festival é criar o ‘pensar sustentável’ conscientizando as pessoas a se interessarem pelo contato com a natureza, por exemplo, estimulando-as a conduzirem suas vidas com maior sustentabilidade. No parque também será instalado um grande número de lixeiras, além de outras melhorias que já foram realizadas, na verdade, cobranças antigas para manutenção da estrutura, como por exemplo a reposição de tomadas elétricas, substituição de telhas e o corte da grama. Importante ainda ressaltar que todo lixo gerado no festival passará por uma coleta seletiva e depois será encaminhado para a reciclagem.

Circulação cultural

Outro objetivo do Colméia Cultural é promover a circulação da arte independente e também de agentes culturais. Além de artistas de Minas Gerais e Sergipe, haverá a presença de integrantes de vários coletivos paulistas, que atualmente já se relacionam de forma cooperada em diversos eventos e atividades sócio-culturais, concentrados em sua maioria em Araraquara, São Carlos, Bauru e Franca. É comum, por exemplo, que a cobertura fotográfica e/ou audiovisual seja realizada por estes colaboradores, que geralmente oferecem conhecimento em determinadas áreas. No GAIA, essa troca acontecerá através da parceria com o coletivo Guerrilha Gig (Franca), que fará a transmissão radiofõnica dos shows para todo o planeta via internet, no site da webrádio Fora do Eixo (www.foradoeixo.org).

Apagão

Sábado (27) entre as 20h30 e 21h30 acontece nacionalmente “A Hora do Planeta” – evento global simbólico de apagar as luzes durante uma hora para expor à lideranças mundiais o problema do aquecimento do planeta – e o GAIA também vai participar. Exatamente às 20h30 a programação musical será interrompida, com desligamento das luzes do Pinheirinho e início das apresentações de pirofagia e esquetes à luz de velas.

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO*


26/3 Sexta
Manhã (8h às 12h): intervenções artísticas, exposições de arte, workshops e palestras voltadas ao público infantil

Tarde (14 às 18h): intervenções artísticas, exposições de arte, workshops e palestras

Noite (19h à 01h): apresentações musicais, esquetes, teatro e performance

27/3 Sábado
Manhã (8h às 12h): intervenções artísticas, exposições de arte, cinema e malabarismo

Tarde (14 às 18h): intervenções artísticas, exposições de arte, cinema e malabarismo

Noite (19h à 01h): apresentações musicais, esquetes, teatro e pirofagia

*A programação detalhada estará disponível a partir de quinta-feira (25) no blog do Colméia Cultural (http://colmeiacultural.blogspot.com)

::Programação musical::

26/3 Sexta

Palco principal

20h Pé de Macaco
21h Projeto Paiero
22h Granvizir
23h The Baggios
00h Rafael Castro e os Monumentais

Espaço Jovem
01h Coletivo Bomami (discotecagem)

27/3 Sábado

Espaço Jovem
14h Sub Loco Coletividade / Binho Noise

Palco Principal

19h30 Radiola DUB
20h30 Apagão (Hora do Planeta)
21h Churrasco Elétrico
22h Ibis
23h Strombólica
00h Os Rélpis

Espaço jovem
01h Coletivo urubu e o baile da pilantrage (discotecagem)

Anúncios

Sobre Coletivo Bomani

Coletivo Bomani é uma proposta autogestionária da construção e apropriação de novas tecnologias, afim de conectar as diferentes produções culturais produzida nas comunidades trabalhamos com a comunicação visual e Audiovisual para difundir essa produção e conectar as partes.

Publicado em março 25, 2010, em Uncategorized. Adicione o link aos favoritos. 1 comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: